Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
23/04/14 às 20h00 - Atualizado em 3/01/19 às 15h24

Cooperativas poderão ter novo cadastro ainda em este ano

COMPARTILHAR

O GDF considera a possibilidade de abrir um novo cadastro para habitação popular ainda este ano, mas voltado apenas para as cooperativas habitacionais. Uma resposta neste sentido poderá ser dada ainda neste semestre pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional, a Codhab.

A abertura de novo cadastro é o item principal da pauta de reinvindicações apresentada no início do mês ao governador Agnelo Queiroz pelas entidades que formam o movimento em prol da moradia popular no Distrito Federal. Nesta quarta, 23, representantes do movimento se reuniram com a Secretária de Habitação, Regularização e Desenvolvimento Urbano, Jane Diehl, e com o presidente da Codhab, Rafael Oliveira. Foram discutidos os pontos da pauta de reivindicação em que é possível o governo avançar para atender o que pede o movimento.

Na reunião, a Sedhab e a Codhab anunciaram que serão lançados em breve editais de chamamento para selecionar cooperativas habitacionais que tocarão projetos de moradia popular nas regiões leste e oeste de Samambaia. Além disso, haverá o lançamento de editais para a construção de novos empreendimentos do projeto H4, também em Samambaia. Até o momento, estão sendo erguidos 18 prédios, cujas obras são administradas por cooperativas habitacionais. Nesses prédios vão morar mais de mil famílias com renda entre R$ 1 mil e R$ 5 mil. No início do ano, mais 12 cooperativas foram selecionadas para administrar novas obras de moradia popular. Com elas, o número de prédios chegará a 30.