Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/05/11 às 3h00 - Atualizado em 2/01/19 às 14h22

HABITAÇÃO — Sedhab recebe entidades sindicais

O secretário Geraldo Magela recebeu, nesta terça-feira (03/04), representantes de entidades sindicais, para discutir a nova política habitacional do Distrito Federal: o Sindicato dos Comerciários (Sindicom/DF), a Federação dos Trabalhadores do Comércio e Setor de Serviços do DF (Fetracom) e o Movimento dos Índios Urbanos do DF.

Na ocasião, o secretário Geraldo Magela explicou que a nova política habitacional tem por objetivo possibilitar a solução de moradia completa — em locais com infraestrutura e equipamentos públicos — para os beneficiários enquadráveis na nova política habitacional. Os beneficiados receberão uma casa ou apartamento e pagarão prestações de acordo com a renda familiar. O financiamento será por meio do Programa Minha Casa Minha Vida do Governo Federal. E acrescentou: “a Sedhab vai priorizar a verticalização nos novos projetos habitacionais. Assim, poderemos aproveitar os espaços vazios existentes nas cidades e driblar a falta de espaços para construir no DF”.

O presidente da Fetracom Washington Domingues Neves elogiou a iniciativa da Sedhab “essa política possui uma dinâmica muito boa, já que dá oportunidades aos trabalhadores de ter suas casas”, disse.

Nos três encontros, a inclusão das entidades sindicais nos programas habitacionais do governo foi tema principal das reuniões. Os representantes solicitaram informações sobre procedimentos que devem adotar para serem contemplados.

“Hoje, a lei que dispõe sobre a política habitacional do DF destina áreas a habitação de interesse social para atendimento de cooperativas ou associações habitacionais. Mas vamos analisar a viabilidade de incluir as entidades sindicais. Vamos analisar a lei para termos clareza do que podemos fazer”, prometeu o secretário.

Magela alertou ainda para a possibilidade de incluir os associados na lista da Codhab. Para isso, solicitou aos representantes que estejam preparados para se inscrever nos programas habitacionais, com todas as exigências em ordem e dentro dos critérios estabelecidos em lei, já que em breve a Sedhab vai lançar programas habitacionais em diversas cidades do DF.

De acordo com o secretário “nosso objetivo é oferecer moradia digna e justa a todos sem distinção. Vamos também legalizar as cidades. Um terço da população vive na ilegalidade. Nossa meta é zerar o déficit habitacional e permitir um crescimento ordenado e com qualidade de vida para todos”, concluiu.

Assessoria de Comunicação Sedhab