Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/04/14 às 21h51 - Atualizado em 3/01/19 às 15h24

Minha Casa, Minha Vida/Morar Bem – GDF convoca novas famílias a comprovar dados do cadastro

COMPARTILHAR

Mais de 13 mil famílias inscritas no Programa Minha Casa, Minha Casa Minha Vida/Morar Bem foram convocadas a apresentar documentos na Companhia de Desenvolvimento Habitacional (Codhab) para comprovar dados declarados no Novo Cadastro da Habitação. O anúncio foi feito na tarde desta quinta-feira (3), pelo governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, e pelo secretario de Habitação, Geraldo Magela, em coletiva de imprensa no Palácio do Buriti.

Dos convocados, 10 mil famílias são da Relação de Inscrições Individuais (RII) e 3.644 da Relação de Inscrição por Entidade (RIE), com indicação de cooperativas. Com a comprovação dos dados, elas são habilitadas e ficam mais próximas de receber a sonhada moradia. Mais de 91 mil famílias já foram habilitadas e estão de acordo com a política habitacional do DF.

O secretário de Habitação, Geraldo Magela, explica que para que as famílias sejam habilitadas, elas precisam comprovar que todos os dados postados no momento da inscrição são verdadeiros como, por exemplo, ter mais de cinco anos de moradia no DF e renda menor que 12 salários mínimos. “Se algum desses itens não for comprovado, a pessoa não pode ser habilitada”, destacou Magela.

O GDF tem como meta colocar em construção 100 mil moradias de interesse social até o final e 2014. Já foram lançadas mais de 93 mil unidades nas cidades de Samambaia, São Sebastião, Gama, Santa Maria, Sobradinho, Recanto das Emas, Paranoá, Riacho Fundo II, Itapoã e Planaltina, além de Jardins Mangueiral (PPP).

De acordo com o governador Agnelo Queiroz, o Programa caminha para habilitar, até a metade do ano, 100 mil famílias. “Queremos atingir a meta de termos 100 mil habilitados e 100 mil moradias em construção. Quando habilitada, a pessoa não perde o direito à moradia”, declarou o governador.

Pra participar do Programa Minha Casa, Minha Vida/Morar Bem é preciso estar inscrito no Novo Cadastro da Habitação — uma das ferramentas do Programa Morar Bem. Ao todo foram 375.960 candidatos inscritos. Destes, já foram convocados mais de 200 mil.

CONVOCAÇÕES
As famílias convocadas da RII devem comparecer ao Núcleo de Atendimento da Codhab, que fica no Setor Comercial Sul, Quadra 04, Edifício Embaixador, das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira, obedecendo ao seguinte cronograma:

 

Grupos

Ordem de Classificação

Prazo

1º grupo 110.001º  ao 113.355º 12 a 16 de maio de 2014
2° grupo 113.356º  ao 116.710º 19 a  23 de maio de 2014
3º grupo 116.711º  ao 120.064º  26 a 30 de maio de 2014

 

 

 

 

 

 

 

Já as famílias convocadas da RIE devem comparecer ao Núcleo de Atendimento da Codhab, que fica no Setor Comercial Sul, Quadra 6, Edifício Sedhab, das 8h às 16h, de segunda a sexta-feira, obedecendo ao seguinte cronograma:

 

Grupos

Ordem de Classificação

Prazo

1º grupo De A a G 12 a 16 de maio de 2014
2° grupo De H a O 19 a 23 de maio de 2014
3º grupo De P a Z 26 a 30 de maio de 2014

 

 

 

 

 

 

 

As famílias que tenham pessoas com deficiência deverão comparecer ao Posto de Atendimento Avançado da Codhab, localizado na Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejus), no Posto de Atendimento da Estação 114 Sul do Metrô, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, seguindo os mesmos cronogramas acima.

O não comparecimento para apresentar e comprovar dados no prazo de 45 dias, após o término de comparecimento de cada grupo, implicará em desistência voluntária da família convocada, com o cancelamento da habilitação, tornando o respectivo cadastro inativo.

Se habilitada, a família poderá manifestar interesse por até três empreendimentos ofertados pela Sedhab nas cidades do Gama, São Sebastião (Jardins Mangueiral), Sobradinho, Samambaia, Santa Maria, Recanto das Emas, Riacho Fundo II, Paranoá, Itapoã e Planaltina.

MINHA CASA MINHA VIDA/MORAR BEM — Em 2011, o Governo do Distrito Federal lançou o programa Minha Casa Minha Vida/Morar Bem, que tem o objetivo de oferecer a oportunidade da moradia própria em local com infraestrutura completa: rua asfaltada, água encanada, drenagem de águas pluviais, rede de esgoto sanitário, luz e escritura no nome do beneficiário.

Para tanto, as pessoas que atendem aos critérios da Lei Distrital nº 3.877/2006, que dispõe sobre a política habitacional do DF, se inscreveram no Novo Cadastro da Habitação por meio do site www.morarbem.df.gov.br. A plataforma on-line garante transparência nas ações da Secretaria de Habitação.

Estão em obras unidades habitacionais no Setor Habitacional Jardins Mangueiral, com 8 mil residências, das quais 5.926 já foram entregues. No Riacho Fundo II, estão em contrução 5.904 apartamentos no Residencial Parque do Riacho – empreendimento que beneficia famílias com renda mensal de até R$ 3,1 mil e é o primeiro projeto habitacional do GDF em parceria com o Banco do Brasil. No local, já foram entregues 255 moradias. Em Santa Maria, estão em construção 168 apartamentos e, em Samambaia, 900. No Paranoá, são 6.240 unidades habitacionais do empreendimento Paranoá Parque, que é o primeiro no DF destinado a famílias da faixa 1, com renda de até R$ 1.600,00, contratado com a Caixa Econômica Federal. Neste empreendimento, já foram entregues 209 moradias.

Os demais editais estão em fase de contratação do financiamento, seleção de empresa ou em fase de aprovação de projetos.

Baixe as lista de convocados RII e RIE: