Governo do Distrito Federal
22/12/21 às 16h22 - Atualizado em 23/12/21 às 21h29

Projeto da Praça do Povo vence prêmio do Instituto de Arquitetos do Brasil

 

Iniciativa da Seduh foi escolhida na categoria Urbanismo, Planejamento e Cidades

 

LEANDRO CIPRIANO

 

O projeto de requalificação da Praça do Povo, no Setor Comercial Sul (SCS), foi escolhido pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) como um dos vencedores regionais da Premiação IAB 2021 – Edição do Centenário. A iniciativa para reformar a praça levou o prêmio no Centro-Oeste na categoria “Urbanismo, Planejamento e Cidades”. Agora, está apta a participar da etapa nacional da disputa, que será realizada em janeiro de 2022.

 

Praça do Povo recebeu o prêmio na categoria “Urbanismo, Planejamento e Cidades”

Na decisão, a comissão julgadora da premiação detalhou que o projeto, elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh), “destaca-se pela funcionalidade e, sobretudo, pelo mérito de iniciar um processo de melhoria da qualidade urbanística da área em questão”.

 

Ponto de referência no centro de Brasília, a Praça do Povo enfrentava há anos problemas de degradação pela falta de manutenção, insegurança, interrupção do fluxo de pedestres, poluição visual e invasões de espaços públicos. Agora, o local conta com novas possibilidades de fluxos e usos.

 

A eliminação das barreiras físicas buscou unificar diferentes pontos e promover a acessibilidade. Os elementos orientados à prática de esportes urbanos também foram cuidadosamente posicionados na área, para trazer dinamismo ao espaço e torná-lo convidativo ao uso, inclusive em horários não comerciais.

 

A reforma do local foi inaugurada em outubro pelo Governo do Distrito Federal (GDF) e permitiu a multifuncionalidade para a prática do skate, apresentação de espetáculos e a organização de áreas para quiosques.

 

Reconhecimento

 

Para o diretor de Espaços Públicos e Qualificação Urbana da Seduh, Clécio Rezende, um dos responsáveis pelo projeto, a premiação do IAB gera reconhecimento ao trabalho da equipe da pasta, que se empenhou na requalificação do espaço.

 

“O prêmio valoriza o trabalho dos profissionais de arquitetura no serviço público. Ao mesmo tempo, ressalta a importância desses projetos para a cidade e o papel estratégico da Seduh para impulsionar a requalificação de áreas públicas”, afirmou Clécio Rezende.

 

Desenvolvida na Coordenação de Projetos (Coproj) da Seduh, a requalificação da Praça do Povo tem a co-autoria de Márcio Comas Brandão e a participação da equipe técnica formada pelos arquitetos Felipe Saraiva, Antônio Carlos Rodrigues, Olga Chiode e Anamaria de Aragão.

 

Premiação

 

Em comemoração aos 100 anos da criação do IAB, os departamentos estaduais do instituto se alinharam, pela primeira vez, com o objetivo de articular uma premiação nacional. Ela acontecerá em duas etapas: a primeira será uma seleção estadual/regional, e na segunda, os vencedores serão avaliados conjuntamente, a nível nacional.

 

Na premiação do Centro-Oeste, foram recebidos 46 trabalhos, divididos em cinco categorias: Edificações; Interiores e Design; Técnicas e Tecnologia; Cultura Arquitetônica; e Urbanismo, Planejamento e Cidades.

 

De acordo com o IAB, além das categorias promoverem um equilíbrio entre diferentes práticas da arquitetura e do urbanismo, o modelo do prêmio também seguirá tendências de edições anteriores.

 

Na premiação nacional, serão selecionadas até três propostas em cada uma das cinco categorias. Os responsáveis pelos projetos premiados receberão troféus e diplomas, além de estarem aptos a concorrerem como representantes brasileiros em eventuais premiações internacionais.

 

Acompanhe a Seduh nas redes sociais
@SeduhDF
@SeduhDF
@SeduhDF
seduhdf.comunicacao@gmail.com