Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
13/01/14 às 19h26 - Atualizado em 3/01/19 às 14h56

RECANTO DAS EMAS – Moradores das Pontas de Quadra da 406 da cidade discutem a regularização da área

COMPARTILHAR

 

Há 13 anos, cerca de cem famílias das Pontas de Quadra 406 do Recanto das Emas lutam pela regularização das moradias. Na tarde desta segunda-feira (13), eles estiveram reunidos com técnicos da Secretaria de Habitação, Regularização e Desenvolvimento Urbano, a Sedhab, e com os da Companhia de Desenvolvimento Habitacional, a Codhab, para discutir o esboço do Projeto de Lei Complementar (PLC) que trata da regularização do local e que será encaminhado à Câmara Legislativa para apreciação.

Na ocasião, o diretor de Regularização da Codhab, Luciano Sales, explicou que as famílias que estão no local há mais tempo terão prioridade. “Para as pessoas ocuparam o local recentemente, estamos estudando a inclusão delas no projeto habitacional do GDF”, destacou Luciano.

O administrador do Recanto das Emas, Stênio Pinho, também participou da audiência e destacou que serão beneficiadas todas as pessoas que têm direito. “Aquelas que estão lá como meros especuladores, com certeza, não terão direto à regularização”, alertou o administrador.

Para a presidente da Associação dos Moradores da Quadra 406, Maria de Fátima Borges, a regularização das pontas de Quadra da 406 é a realização de um sonho. Sozinha, Bia, como é conhecida, luta pela legalidade da área há sete anos. “Estamos mais esperançosos. A regularização é uma segurança para nossos filhos. Sem o documento eles poderão morar na rua”, disse Bia, chefe de família e mãe de cinco filhos.

A próxima audiência pública sobre as Pontas de Quadra da 406 do Recanto das Emas será no dia 29 de janeiro, às 19h, no Auditório Comunitário – EQ 206/300.

Hoje ainda tem audiência pública para discutir o PLC sobre a regularização dos Becos do Gama. O encontro será às 19h, na Área Especial 13/15 – Setor Sul – Igreja Assembleia de Deus.

Leia também...