Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/06/11 às 3h00 - Atualizado em 2/01/19 às 15h07

TERRENOS — Secretário Magela assume compromisso com a Liga das Escolas de Samba do DF

COMPARTILHAR

Nesta terça-feira (7/06), o secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação, Geraldo Magela, se reuniu com a União das Escolas de Samba e Blocos de Enredo do Distrito Federal (Uniesbe/DF), formada por 18 agremiações. Em pauta a disponibilização de áreas para construção das sedes definitivas das escolas de samba.

O presidente da Liga das Escolas de Samba do DF, Geomar Leite (Pará), iniciou a reunião apresentando um vídeo dos trabalhos das escolas nos barracões até o momento em que se apresentam na Avenida e agradeceu o secretário pelo apoio e parceria na realização do Carnaval de 2011.

“E hoje meses que antecedem ao carnaval, o secretário Magela mais uma vez nos atendeu. Precisamos de um endereço para os ensaios e para a realização dos projetos culturais e sociais”, disse Geomar, que também agradeceu ao deputado distrital Roney Nemer, que concluiu no início de 2009, então presidente da BrasiliaTur, um projeto de galpões para ensaios e trabalhos sociais das escolas, bem como um levantamento de possíveis áreas para construção das sedes.

“Estou aqui para parabenizá-los. O Carnaval de 2011 foi de superação com a liberação dos recursos em cima da hora e vocês conseguiram realizar uma grande festa. Junto com o governador, ajudei a liberar essa verba. Assumi um compromisso de apoiar o Projeto Carnaval Brasília e vamos cumprir o nosso papel’, disse o secretário Geraldo Magela. Ele também pontuou que este é o primeiro passo — no que se relaciona à Sedhab — quanto ao planejamento e disponibilidade de áreas para a construção das sedes, bem como o local para realização do Carnaval.

O secretário orientou que a Liga das Escolas de Samba precisa oficializar na Sedhab o pedido para análise pela Secretaria das possíveis áreas, bem como do projeto do gabinete do deputado Roney Nemer e assim, dar início aos estudos e análise do projeto proposto já que data de 2009. “Certamente não será fácil resolver todas as questões ao mesmo tempo. As situações serão diferentes para cada localidade. Mas precisamos dar o primeiro passo. Assumo o compromisso de andarmos juntos com projetos que sejam geradores de cultura, de emprego e com caráter social”, concluiu Magela.

Assessoria de Comunicação Sedhab