Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/07/12 às 13h02 - Atualizado em 3/01/19 às 9h36

HABITAÇÃO

Chineses chegam para ver de perto o Jardins Mangueiral

(22/05/2012)

Amanhã, quarta-feira, 23 de maio, uma delegação de 20 chineses vai visitar o Jardins Mangueiral para conhecer de perto como está sendo erguido o condomínio residencial — fruto da primeira Parceria Público-Privada (PPP) habitacional do país.

Liderada por Gong Tao, conselheiro político da Embaixada da China no Brasil, a delegação será assessorada por técnicos da Sedhab — Secretaria de Habitação, Regularização e Desenvolvimento Urbano do Distrito Federal; engenheiros do consórcio de seis empresas que estão construindo o Jardins Mangueiral e representantes do Ministério das Relações Exteriores, do Ministério das Cidades e da Caixa Econômica Federal.

A ida dos chineses ao Jardins Mangueiral precede a visita que o premier Wen Jiabao fará ao Brasil de 26 a 28 de junho. Jiabao também irá ao novo setor habitacional da capital da República.

Na semana passada, no encerramento do 59º Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social realizado em Brasília, cerca de cem participantes do evento foram conhecer o Jardins Mangueiral e ficaram impressionados com o que viram. O empreendimento é grandioso. Implantado ao longo da DF-463, em São Sebastião, ocupa uma área de 200 hectares, onde estão sendo construídas oito mil unidades habitacionais, divididas em 15 quadras condominiais, com três tipos de habitação: casas de dois e três quartos e apartamentos de dois quartos. Fruto de uma PPP entre o Governo do Distrito Federal (GDF) e seis empresas que fazem parte do Consórcio Jardins Mangueiral, ele tem um conceito único e inovador de moradia com qualidade de vida em um bairro totalmente planejado, com infraestrutura urbana de água, esgoto, iluminação pública, ruas pavimentadas e urbanizadas, lazer e segurança.

No ano passado, 1.036 unidades habitacionais foram entregues no Jardins Mangueiral. Mais 1.260 pessoas já estão aptas a receber a sua casa própria no setor. E outras 1.102 foram convocadas recentemente para comparecer à Sedhab no próximo mês, comprovando os seus dados e habilitando-se para a compra da casa própria no local.

Assessoria de Comunicação Sedhab