Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/07/12 às 14h07 - Atualizado em 3/01/19 às 9h45

PRESERVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO

Seminário promove troca de experiências sobre conservação de sítios históricos

(11/06/2012)

Terminou nesta última sexta-feira, dia 8, o Seminário Internacional Preservação e Desenvolvimento de Sítios Históricos Urbanos. O evento, que começou na terça-feira, 5 de junho, reuniu especialistas e profissionais do Brasil e do exterior, além da população, que pode participar de todas as palestras e debates.

O objetivo do seminário, que faz parte do Ano de Valorização de Brasília como Patrimônio Cultural da Humanidade, foi conscientizar sobre a importância dos patrimônios históricos e os critérios de conservação e restauro, permitindo reflexões sobre os desafios e as novas políticas de desenvolvimento urbano nos espaços tombados, considerando experiências obtidas no campo internacional e a tendência da arquitetura contemporânea mundial.

Neste sentido, o seminário foi dividido em dois momentos: visitas guiadas ao polígono tombado, incluindo os monumentos, e palestras seguidas de debate. A última fase se deu na Embaixada da Itália.

As visitas aconteceram durante os dias 05 e 06 e somente puderam participar os especialistas, autoridades e agentes públicos. A participação dos demais inscritos aconteceu na sessão solene de abertura do seminário, na quarta-feira, 06, e durante os outros dois dias.

“Este seminário é um desafio no sentido de consolidar um novo paradigma para as políticas de preservação do patrimônio”, pontuou o secretário interino de Habitação, Rafael Oliveira, que concluiu falando que “este evento representa o início de um ciclo duradouro no tocante a troca de experiências entre Brasília, o Brasil e o resto do mundo”.

Participaram como palestrantes representantes das entidades internacionais vinculadas à área de preservação: Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), Conselho Internacional de Monumentos e Sítios (Icomos/Brasil) e DO.CO.MO.MO; técnicos do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), da Sedhab, além de gestores da área de patromônio e conservação do Brasil e do exterior.

Entre os pontos discutidos estavam as experiências exitosas de renovação urbana de sítios históricos, instrumentos de controle e regulamentação do uso e ocupação do solo nestes espaços, além da estrutura de sua gestão.

Brasília, patrimônio mundial

O seminário internacional Preservação e Desenvolvimento de Sítios Históricos Urbanos é uma das ações previstas no Ano de Valorização de Brasília como Patrimônio Cultural da Humanidade.

Lançado pelo Governo do Distrito Federal, por meio da Sedhab, no dia 25 de janeiro deste ano, a ideia é envolver todo o Distrito Federal de forma a discutir e defender a preservação desse patrimônio cultural que é Brasília.

O reconhecimento e a preservação da cultura em todos os seus aspectos, inclusive o urbano, é um traço que identifica e, ao mesmo tempo, une nações em direção a um mesmo fim — o bem estar das gerações futuras.

Confira mais informações sobre o seminário e as palestras ministradas no site http:// www.brasiliapatrimoniodahumanidade.df.gov.br/.

Assessoria de Comunicação Sedhab